sábado, 1 de novembro de 2008

Abrindo o baú

Hoje é um dia especial. Fazem três anos que nasci novamente, após um infarto ocorrido durante as festividades dos 93 anos da Associação Comercial de Ilhéus. Mercê da misericórdia de Deus e dos Anjos que Ele colocou no meu caminho, consegui chegar até aqui, para ser testemunha de um tempo novo na minha querida cidade, quando o povo foi às ruas para expulsar um governo malfadado e corrupto. Pude dar um pouco de mim para ajudar a mudar a história. Me sinto feliz!
Depois de muito pensar, resolvi abri meus baús (na verdade são caixas) de fotografias e negativos, numa tentativa de reviver bons tempos. Decidi ir mostrando aos poucos alguns momentos importantes que pude registrar como fotógrafo. Muita coisa se perdeu, muita coisa se estragou, fruto da inconsciência que muitas vezes se alia aos arroubos da juventude idealista.
Hoje, com os pés no chão, guardo com mais cuidados meus arquivos. Enquanto Deus me permiti, continuarei registrando nas lentes de minhas câmaras e também na memória, a vida de minha terra e de meu povo.
Quando eu ficar no caminho, tenho certeza de que minha filha Thais cuidará com mais carinho do que eu a maior riqueza que deixarei: registros de um tempo que vivi ardentemente.

Na foto abaixo, num clic de Valério de Magahães, um raro momento: uma mostra coletiva de seis fotógrafos em Itabuna. Zeka, Mário Queiroz, Valdir, Sabino Primitivo, Valdeni e eu.

2 comentários:

Márzio Ázaro disse...

Zé Nazal,
Recolhido nesta segunda-feira em meu plantão ,no CTI do Hospital São José , tive tempo de passear em suas catucadas.
Confesso: me emocionei!! relembrando o dia em que nos encontramos no Hospital Santa Izabel em Salvador quando vc se preparava para realizar o Cath que evoluiu para Angioplastia.Ligamos para o brimo Brito e disse-lhe que nunca mais faltaria Kibe na mesa dê-le,
Nos encontramos no CTI assim que acabou seu procedimento e vc sobre efeitos de opioides reclamava do peso que havia sido colocado na região de sua virilha com a finalidade de comprimir o local do acesso arterial. E já se vão 3 anos!!!!
Bravo!!! Zé Nasal, somente os bravos são capazes de abrir os seus Baús....
Que GADU lhe Ilumine!!!!

Abraços
Marzio

Anônimo disse...

Meu camarada, olhando essa foto sua, ao lado de Valdir Gomes, Mário Queiroz, Zeka e Valdeni Lima (foto de priscas eras, como diria E. Anunciação), descobri que você encontrou a fonte da juventude... Ou está usando formol... A mesma cara, meu irmão! Que proeza é essa???rs

Ricardo Ribeiro