quinta-feira, 20 de março de 2008

A valentia do anonimato

Circula na internet um mail remetido por um anônimo que assina como João Torres Andrade. Segue abaixo o mail que esse cidadão ou cidadã enviou para diversas pessoas, atribuindo ser orientação do governo municipal a minha crítica sobre a forma obscura com que vem sendo tratado o assunto do Porto Sul, de maneira especial pelo governo estadual.
Não sou radicalmente contra o porto. Tenho sido um crítico ferrenho da falta de informações à população. Não falo em nome do governo que participo, pois não fui nomeado porta-voz, e sim, em meu nome pessoal.
Respeito a oponião de todos e espero que a minha também seja respeitada.
O valente anônimo diz que eu esqueci de citar que fiz parte do governo de Jabes. Não precisa ser dito o que nunca escondi; e digo mais, tenho orgulho de ter servido à minha cidade natal. A carteirinha fica por conta dele.
Quanto à minha origem árabe, muito me orgulho dessa ascendência. Na verdade, tenho mesmo é uma grande saudade de meu avô, que nasceu em Tibnei, uma aldeia nos arredores de Damasco, na Síria. O anônimo me chama de turco pensando que me ofende. Tenho bons amigos de origem turca, sobretudo porque têm muito mais caráter do que ele, que se esconde no anonimato.
Moro no mesmo endereço há cinquenta e dois anos. Se o tal João Torres de Andrade tiver coragem de se apresentar, que informe onde mora.

Vejam abaixo o teor do mail do anônimo:

"Governo de Newton Boneca, orienta chefe de gabinete para bater no Governo,
O governo de de araque do sr. Newton Lima , não tem coragem de bater de frente com o governo Wagner, orienta o turco brasileiro, José Nazal Soub para em seu blog, criticar as medidas do Governo Federal e Estadual, vejam o que o Jabista de Carteirinha diz abaixo:


Quem ler a nota abaixo, publicada hoje no site oficial do Estado da Bahia, poderá ver a irresponsabilidade que está contida na informação de que o porto trará 10 mil empregos.
Ilhéus não suporta mais o crescimento desordenado, que vai ser provocado quando esta notícia se espalhar. Quem teve acesso a pesquisas realizadas ultimamente, sabe que o maior problema apontado pela população é o desemprego. Já bastam os problemas causados pela expectativa criada com a ZPE e com o Pólo de Informática.
Só posso creditar a uma coisa: altos interesses, grana alta que vai rolar.

Ele só esqueceu de mencionar que toda espectativa criada com a ZPE, foi do próprio chefe na época Jabes Ribeiro que sempre utilizou estes métodos para se eleger."


Em tempo: a grafia da palavra "espectativa" é do anônimo.

5 comentários:

Isaac disse...

Nazal,
Não esquente. Você é autêntico. Você é verdadeiro. Você tem opnião própria, independente de estar servindo à administração A ou B. Na verdade você é, acima de tudo, Ilhéus.
Do judeu que adora o árabe!
Um beijo
Isaac

Pimenta disse...

Cara, eu recebi esse email... Aliás, esse mané "João Torres Andrade", que naturalmente é um pseudônimo, tem uma lista enorme de endereços e o meu está por lá. Recebo mensagens do palhaço desde estava aí na Ascom, mas jamais dei crédito. Foi bom você fazer o esclarecimento, mas acho que pouca gente levou a babaquice desse cara a sério. O que mais me irrita nessa história toda é esse negócio de ficar rotulando as pessoas. Fico a imaginar que merda significa ser carlista, geraldista, fernandista ou jabista. Deplorável!!!
Ricardo Ribeiro
ricardo.ribeiro10@gmail.com

Pimenta disse...

ah, fiz um artigo defendendo o porto...rsrs... na verdade, tenho simpatia pelo projeto e quero colocar pimenta nessa discussão.

Ricardo

Anônimo disse...

Nazal,
Também estou nessa lista de emails e, inclusive, respondi ao que falava do Porto/Aeroporto na praia do norte de Ilhéus porque o seu remetente está/é equivocado também quanto a isso.
Assim como vc, não estou contra nada, apenas pondero muito mais as coisas hoje em dia, principalmente quando se trata de meter a mão em Áreas Naturais Protegidas e na vida de milhares de pessoas que ai vivem, assim como eu.
O que me espanta é a violência com que tal senhor faz suas críticas. Num mundo tão já conturbado, fique com minha palavra de paz. Turco, judeu ou seja lá o que for, somos crias da matéria e da consciÊncia planetária que temos ou não. A matéria, para a terra voltará, invariavelmente. Já a consciência e o que fizermos das ações ditadas por ela, é o que deixaremos de herança para nossos filhos. Mas nem todos têm esta visão e, talvez por isso, comprometam-se com atitudes pequenas e cruéis tipo esta.
Bjos para vc, siga seu rumo e tudo de bom.
Nane Albuquerque

Anônimo disse...

Meu Tio fique tranquilo, pois sabemos da sua índole e sabemmos também que és um defensor da nossa terra, esse idiota anônimo não irá tirar do senhor o amor que têm por Ilhéus, confio no seu carater, pois sei que VC é AUTÊNTICO!!!
UM GRANDE ABRAÇO DE TON AMIGO DO SEU FILHO E FILHO DO SEU AMIGO !!!
TE ADORAMOSSSSS